Abril 20, 2021

Armie Hammer tem supostas mensagens chocantes divulgadas na web, e é acusado de canibalismo e estupro: ‘Preciso beber seu sangue’

Atenção: O texto a seguir contém relatos gráficos e perturbadores de violência

Na madrugada desta segunda (11), o nome de Armie Hammer, estrela de “Me Chame Pelo Seu Nome”, foi parar nos tópicos mais comentados do Twitter e o motivo é perturbador. Em uma série de mensagens supostamente escritas pelo ator nas DMs do Instagram, Hammer conversou com mulheres sobre canibalismo e estupro, e demonstrou comportamento manipulador e abusivo.

Ainda não se sabe se o conteúdo das mensagens é verdadeiro, porém, várias vítimas relataram situações da mesma natureza vividas com o ator. Essa não é a primeira vez que o nome de Hammer é envolvido em uma polêmica do tipo – em 2017, o norte-americano caiu na boca do povo após curtir uma série de tuítes que falavam sobre bondage, uma prática BDSM que consiste em prender, amarrar ou restringir consensualmente um parceiro para fins estéticos, eróticos ou sensoriais.

O vazamento das mensagens dividiu opiniões nas redes sociais – enquanto alguns internautas não acreditavam nas declarações e afirmavam que tudo não passava de uma farsa, outros estavam certos de que os textos eram reais.

Enviadas através da conta de Armie no Instagram, as conversas incluem relatos de atos sexuais descritos de forma gráfica e ainda situações de canibalismo do ator, que aparenta ter sede pelo sangue de suas parceiras de cama. A maioria das mensagens foram enviadas para duas mulheres distintas – uma delas à qual ele se refere como “Kitten” (Gatinha, em português) e outra à qual ele se refere como “B”.

[anuncio]

Desejo por sangue

As primeiras imagens foram publicadas pelo Instagram @houseofeffie, que privou a conta após as revelações e, logo em seguida, pelo perfil @truths.and.facts, que prometeu “proteger e ajudar” a #kittensisterhood – Irmandade das Gatinhas, em português – apelido com o qual o ator se refere às suas vítimas.

“Ele está obcecado em beber sangue. Esse lado canibal profundamente enraizado dele é assustador. Ele estava obcecado em beber meu sangue. Seu comportamento manipulador reconectou meu cérebro para me fazer ver o AMOR nele. Você não está sozinha”, escreveu a responsável pela conta @truths.and.facts, que, em seguida, colocou em seus stories uma série de prints nas quais trocava mensagens com o ator.

Relato da conta @truths.and.facts sobre situação abusiva vivida com o ator Armie Hammer.

“Oh meu Deus. Isso me deixou tão duro e me deixou confuso sobre o porquê. Isso é mesmo possível? Tão duro. Pensando em segurar seu coração em minhas mãos e controlar quando ele bate. Eu sou 100% um canibal. Eu quero te comer. Porra. É assustador admitir, b. Eu nunca admiti isso antes. Eu já cortei o coração de um animal vivo antes e comi enquanto ainda estava quente”, escreveu Armie.

As mensagens continuam e a sede por sangue e controle de Hammer se torna cada vez mais evidente. Com palavras de cunho abusivo e manipulador, o americano faz declarações chocantes sobre seu apetite sexual, que parece ser baseado no canibalismo. Por diversas vezes, Armie insiste em consumir o sangue de suas vítimas.

“Preciso da sua ajuda, gatinha, o mais rápido possível. Você está por aí? Te ligo mais tarde”, começa ele em outra interação, dessa vez com uma segunda mulher. A vítima pergunta como pode ajudá-lo, referindo-se ao ator como “daddy” ou “papai”, um fetiche em que a relação se dá entre o daddy e a/o baby ou kitten (jovem ou jovens).


O apelido parece incentivar o ator, que continua com as investidas. “Oh, meu Deus. Quando você me chama assim eu fico com tanto tesão. Eu preciso beber seu sangue. Por quê a distância?”, questiona ele. “Preciso que você alugue um lugar para nós e o prepare com uma lista de coisas sobre as quais vou enviar um e-mail. Eu vou ser tão safado e pervertido com você lá. Oh, as possibilidades. Hahaha”, escreveu Hammer.

Apesar de desconversar, a vítima volta a falar com o “parceiro” e a possessividade de Armie se torna clara. “Você é meu anjo. Você foi feita para me salvar. Você é minha! Você me escuta? Diga agora!”, Hammer comanda e a vítima obedece, afirmando que ela pertence ao ator. “Diga que você é minha, minha, M-I-N-H-A! Eu possuo você agora. Eu possuirei você para sempre”, insiste.

[anuncio]

Quando a mulher afirma, mais uma vez, que pertence a ele, o astro demonstra novamente suas tendências canibais – de forma veemente, Armie diz que precisa consumir o sangue dela. “Boa menina. Seu corpo é perfeito pra caralh*, e é meu e estou interessado em você. Eu preciso do seu sangue. Eu desejo isso. Você vai me dar amanhã? Não se esqueça de que você é minha”, reforça o ator.

A vítima então questiona a insistência no assunto. “Esse tópico … mais uma vez? É muito intenso”, diz ela. Mas isso não detém as investidas de Armie. “Eu sou intenso! Eu preciso do seu sangue. Eu quero que você me alimente com isso”, implora ele.

Os prints foram divulgados através das redes sociais na madrugada de ontem (10).

Tendências canibais e alusão a estupro

Em uma das diversas interações, Hammer relembra uma situação em que teria, supostamente, estuprado – ou simulado um estupro – com a jovem, enquanto mantinha uma faca entre as pernas dela. “Eu tenho pensado em você e eu te dominando e fodend* e você, sendo dominada e fodid* pra cacete nos últimos anos. Eu pensei muito em você. Tem sido tão difícil não falar com você. Eu sei que precisava, mas foi tão difícil. Você é o maldito padrão que eu considero as mulheres em termos de fetiches e prazer de transar. Você definiu um nível muito alto”, escreveu ele. “Você é como o Michael Phelps do sexo. Todo mundo simplesmente não tem o que você tem. Uau. Ok, desculpe por ter me extravasado. Me sinto mal. Se eu falei demais, sinto muito”, disse o ator.

Em seguida, Hammer compartilhou descrições gráficas de comparações feitas entre a antiga parceira e pessoas com as quais havia se envolvido após o relacionamento. “Toda vez que tenho fodid* alguém na bund* desde você, a única maneira de gozar é fingindo que estou fodend* sua bund*”, confessou.


Quando questionado pela mulher se esses sentimentos eram verdadeiros e o porquê das comparações, o ator continuou, relembrando o momento grotesco que teriam compartilhado. “É incrivelmente frustrante. Eu não sei, você foi a versão mais intensa e extrema que eu já tive. Te estuprando no chão com uma faca contra você. Todo o resto parecia chato”, afirmou ele. “Você chorando e gritando, eu de pé sobre você. Eu me senti um Deus. Nunca senti tanto poder e intensidade”, escreveu.

Em um relato sobre um suposto encontro com uma de suas parceiras em fevereiro de 2020, o ator ainda faz alusão à prática de estupro, afirmando que a moça precisaria de algo “muito forte” para mantê-lo longe dela. “Eu perseguiria você e atacaria tão rápido se você tentasse se afastar. Você vai precisar de algo forte para me afastar de você. Posso ver isso claramente em minha cabeça. Tão claramente. E eu posso sentir seu cheiro. Eu posso cheirar sua bucet*. Sua pele. Eu vou. Eu vou. Sem dúvida. Eu preciso. Eu preciso ver minha gatinha. Eu vou fazer isso funcionar. Eu sinto que é um ímã forte. E eu estou sendo puxado”, insistiu Hammer.

Os prints foram divulgados através das redes sociais na madrugada desta segunda (11).

Sobre a conversa, a vítima escreveu: “Isso é sobre Londres, fevereiro de 2020. Ele precisava ver a gatinha dele. Infelizmente, eu não entendi qual gatinha e tomei um bolo quando ele pousou”.

[anuncio]

Relatos perturbadores

A cada nova mensagem divulgada pelas contas que iniciaram o ‘exposed’ do ator, a situação se tornou mais alarmante. Em uma nova onda de prints, as descrições de Hammer se mostraram ainda mais assustadoras, o que rendeu comentários de internautas, que compararam a estrela de “O Agente da U.N.C.L.E.” com o serial killer Hannibal Lecter, personagem de ficção criado pelo escritor Thomas Harris.

As mensagens enviadas pela suposta vítimas não são visíveis, porém, em dado momento, é possível entender que os dois estavam discutindo maneiras para que Hammer pudesse marcá-la – a conversa então extrapola todos os limites. “Uau. Marcar você, tatuar você, marcar você, raspar sua cabeça e manter seu cabelo comigo, cortar um pedaço de sua pele e fazer você cozinhar para mim. Quer dizer, eu sinto que os testes podem ser intermináveis”, escreve o ator, claramente eufórico com as possibilidades. ““De quem é o relacionamento escrava/mestre mais forte” – Nós venceríamos”, celebrou ele.





“Não consigo parar de pensar em fod*r seu cérebro real. Haha E isso é a coisa mais doce que você disse. Parece incrível. Tudo que você é, cada pensamento, cada emoção, tudo. Fodend* tudo o que você é. Boa menina. Oh meu Deus, posso me ver realmente pressionando e testando você nisso”, afirma.

“Quando te digo para cortar os pulsos e usar o sangue como lubrificante para o anal. Cortando você em pedaços e fod*ndo com os pedaços. Você pode me enviar uma foto? Eu quero que você se morda novamente. Pense em mim comendo você”, insiste ele. “Eu quero ver. Quero ver tudo. Quero ver seu cérebro, seu sangue, seus órgãos, cada parte de você. Eu definitivamente te morderia, b. 100%. Ou tentaria te fod*r. Não tenho certeza de qual. Provavelmente ambos. Se eu te fod*r até estar em um estado vegetativo, vou te manter comigo, te alimentar, te lavar e continuar te fod*ndo, b. Até que você esteja tão dolorida e quebrada, que nem consiga andar. Apenas te deitarei no chão e vou te fod*r sempre que passar por você”, escreveu Hammer.

Os prints foram divulgados através das redes sociais na madrugada de ontem (10).

Em outra imagens, podemos ver mais uma confissão aterrorizante do ator. “Se você estivesse ao meu lado, eu lhe faria um pequeno corte e, em seguida, cairia no sono chupando. O ferro e os minerais … me acalmando para dormir. Você pode me enviar uma nota de voz? Nem precisa ser sexual. Eu só quero ouvir sua voz. Apenas me diga o que você está fazendo … Por que você não pode apertar o botão do microfone e apenas dizer duas palavras? Se você pode sentar e digitar em seu telefone, você pode conseguir fazer isso por 3 segundos”, insistiu.

O tabloide britânico Daily Mail entrou em contato com os representantes de Armie Hammer, mas até o momento, nem o ator ou sua equipe se manifestaram publicamente. Apesar de não confirmadas, as acusações geraram mais de 38 mil comentários no Twitter e Instagram, inclusive um de sua ex-namorada, Courtney Vucekovich, que afirmou que as histórias são todas verdadeiras. Confira as reações:

Courtney Vucekovich, ex de Armir Hammer, afirmou que as histórias seriam verdadeiras.

O post Armie Hammer tem supostas mensagens chocantes divulgadas na web, e é acusado de canibalismo e estupro: ‘Preciso beber seu sangue’ apareceu primeiro em Notícias.

You may have missed