Janeiro 21, 2021

Bolsonaro assina MP que libera R$ 20 bilhões para compra de vacinas

Bolsonaro participa de posse no Turismo

Bolsonaro participa de posse no Turismo
Youtube / Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro afirmou durante a cerimônia de posse do novo ministro do Turismo, Gilson Machado, que assinou na manhã desta quinta-feira (17) a MP (Medida Provisória) que destina R$ 20 bilhões para a compra de vacinas contra a covid-19. 

De acordo com ele, a MP contou com o trabalho de vários integrantes do governo, especialmente Paulo Guedes, ministro da Economia.

“E já está acertado com o Ministério da Saúde que tão logo tenhamos a aprovação de uma vacina ela estará disponível a todos do Brasil, de forma gratuita e voluntária”, declarou.

Como vai funcionar a vacinação no Brasil, segundo o governo

Ele aproveitou seu discurso para defender novamente o tratamento à covid, não apenas a vacinação. Em outras ocasiões, o presidente declarou que deveria se investir mais em remédios do que em vacinas. Bolsonaro é um defensor do medicamento hidroxicloroquina.

Bolsonaro disse que viajará a Porto Seguro (BH) e encontrará uma das médicas pioneiras no tratamento precoce da doença.

Meio ambiente e turismo

Numa mudança de discurso abrupta, ele voltou a falar de turismo defendendo a redução de medidas de controle ambientais que dificultam o desenvolvimento de atividades. 

Segundo ele, pessoas são multas por “ato intendente” em paraísos ecológicos do país, apenas por passarem a impressão de que estão fazendo pesca predatória. Bolsonaro disse que vai tentar acabar com essa regra.

Ele também repetiu uma promessa de campanha que jamais avançou, a de transformar a região de Angra dos Reis na Cancún brasileira.

You may have missed

Cresta Help Chat
Send via WhatsApp