Fevereiro 27, 2021

Adriane Galisteu conta história inusitada de como descobriu traição: “Não me conformo com o que aconteceu naquele dia”; assista!

Adriane Galisteu fez revelações inusitadas da sua vida amorosa! Em um bate-papo sincerão com Taty Ferreira, para o seu canal do Youtube, a apresentadora contou que já flagrou um ex-namorado a traindo e que, ainda por cima, havia previsto toda essa situação.

“Eu não vou dar nome aos bois, mas eu vivi uma [traição] inacreditável. Por mais que a gente queira se enganar, a gente sabe quando a casa está caindo. E aí, eu tinha quase certeza de que naquela noite alguma coisa ia acontecer”, começou a explicar a loira, em vídeo postado na última quarta (25).

Ela continuou: “Eu comecei a achar, não sei, me deu um estalo. [Pensei] ‘Hoje o fulano vai me trair’. Isso era dez horas da noite. Liguei para uma amiga e falei: ‘estou passando na sua casa, a gente vai dar um rolê’. […] E eu comecei a passar em lugares onde achei que poderia acontecer”. Adriane também percorreu as ruas para encontrar o rapaz, mas sem sucesso. Então, a artista desistiu e resolveu parar em uma padaria.

“Estou lá e entra uma menina alcoolizadíssima. Nunca vou me esquecer: ruiva, maquiagem borrada, com o vestido bem justo, ‘beira-c*’, saltão… E ela passou e foi pegar uma cerveja gelada. Quando ela pegou a cerveja, virou, me viu e viu a minha amiga, ela disse assim: ‘Galisteu, você precisa se valorizar’. A anja me cagoetou onde o fulano estava com uma amiga dela”, afirmou Adriane.

“Você acredita nessa história?! Ela foi me falando, e eu fui tendo um AVC [acidente vascular cerebral]… Não me conformo com o que aconteceu naquele dia”, acrescentou. No fim, ela foi até o local indicado e pegou o seu então namorado no ato, confirmando que sua intuição estava certa. “Não entrei no lugar, não fiz nada, mas tive certeza que meu relacionamento tinha acabado ali”, concluiu Galisteu.

Adriane Galisteu conversou com a youtuber Taty Ferreira, do “Acidez Feminina”. (Foto: Reprodução/ Youtube)

Ainda na conversa, a apresentadora declarou que “chifre é um mal necessário” e ajuda no amadurecimento pessoal. “Se você não levou, vai levar. Se você já levou, você já entendeu que esse chifre te fez amadurecer, te fez entender um monte de coisas. E você convive bem com ele. Tudo bem. Tá tudo certo. No momento em que você leva, é difícil de encarar. Mas, depois que você leva um, você já entendeu. Já carrega esse peso e já carrega esse chifrão na cabeça. E está tudo lindo”, brincou.

[anuncio]

Ao abrir o jogo sobre fantasias sexuais, ela assumiu que é “bem caretona mesmo”: “Não tenho muito tesão nessas coisas esquisitas, não. Meu buraco é bem mais raso, sabe. Bem na espuminha. E acho que já está ótimo para mim, mas eu acho que quem tem, tem que dar vazão a essas fantasias […] Mas aqui em casa é bem mais fraquinho”.

Assista ao vídeo na íntegra:

O post Adriane Galisteu conta história inusitada de como descobriu traição: “Não me conformo com o que aconteceu naquele dia”; assista! apareceu primeiro em Notícias.

You may have missed

Cresta Help Chat
Send via WhatsApp
11993455895