Janeiro 21, 2021

Grammy 2021: Drake sai em defesa de The Weeknd e critica premiação: “É a hora certa para começar algo novo”; confira!

A “esnobada” em The Weeknd pelo “Grammy 2021” segue dando o que falar. Nesta quarta-feira (25), Drake criticou a postura da Academia de Gravações em excluir grandes nomes que se destacaram na indústria musical neste ano, e saiu em defesa do cantor. Além dele, vários artistas renomados também se posicionaram quanto ao assunto, revoltados pelos parâmetros da premiação.

O rapper compartilhou um longo desabafo pelos Stories no Instagram, dizendo que não é de hoje que esse tipo de coisa acontece, sugerindo que os prêmios não representam mais a realidade da música. “Eu acho que todos deveríamos parar de nos permitir ficar chocados todo ano pela desconexão entre as músicas que tiveram impacto e esses prêmios, e apenas aceitar que, o que uma vez foi a maior forma de reconhecimento, talvez não importe mais para os artistas que existem agora e os que virão depois”, iniciou o astro.

The Weeknd foi esnobado pelo “Grammy” e não recebeu nenhuma indicação, apesar de ser um dos favoritos. (Foto: Reprodução/YouTube)

“É como um parente que você fica esperando que mude, mas eles só não conseguem mudar seus hábitos”, completou ele. Drake, então, afirmou que previa que The Weeknd seria um dos indicados – até mesmo vencedor – de certas categorias, mas que a Academia não segue tais critérios. “Outro dia eu disse que The Weeknd era uma certeza ou para ‘Álbum do Ano’ ou ‘Canção do Ano’ junto de outras inúmeras suposições, e nunca é assim”, declarou.

[anuncio]

Drake concluiu expressando seu desejo por uma mudança no mercado, algo que tome o lugar das premiações atuais. “Essa é a hora certa para alguém começar algo novo, que nós possamos construir com o tempo e passar adiante para as próximas gerações”, finalizou. O músico pontuou que muitos nomes ficaram de fora, citando os de Lil Baby, Pop Smoke, PARTYNEXTDOOR e o DJ Popcaan. Seu desabafo também foi repostado por Nicki Minaj. Confira:

Drake publicou um textão no qual falava sobre o caso de The Weeknd. (Foto: Reprodução/Instagram)

[anuncio]

Outro grande nome a se pronunciar quanto ao caso foi Elton John. O cantor publicou hoje uma foto de The Weeknd em seu Instagram e disse que, para ele, o cantor já estaria com as estatuetas em mãos. “Na minha humilde opinião… ‘Blinding Lights’ é ‘Canção do Ano’ e ‘Gravação do Ano’”, escreveu o veterano da música. O post também foi curtido por Miley Cyrus, Priyanka Chopra, Bella Hadid — ex de The Weeknd — e Charlie Puth. Olha só:

[anuncio]

Um pouco atrasado, mas não tarde demais, Charlie Puth também se revoltou ao saber que The Weeknd ficou de fora das indicações do “Grammy” neste ano. “Como c*ralhos ‘Blinding Lights’ não foi indicada”, escreveu o cantor pelo Twitter. Dá uma olhada:

Nicki Minaj é um dos nomes que se posicionaram publicamente contra o Grammy no passado, acusando a premiação de racismo. A lista de indicados divulgada ontem também não passou despercebida por ela. Embora ela não tenha citado o nome de The Weeknd, o suposto recado foi entendido por muitas pessoas. “Nunca se esqueça que o Grammy não me deu meu prêmio de ‘Artista Revelação’ quando eu tinha sete músicas simultaneamente aparecendo na Billboard e a maior estreia numa primeira semana do que qualquer rapper na última década. Eles deram [o prêmio] para o homem branco, Bon Iver”, compartilhou em sua rede social.

O cantor Kid Cudi foi mais direto sobre o assunto: “Abel foi roubado, cara! Esta m*rda é ridícula”. A miss Rima Fakih, que é esposa do empresário de The Weeknd, comentou em um post do Grammy no Instagram. “Ok, vamos agir como se ‘Blinding Lights’ não fosse a maior gravação que tivemos em ANOS! E você quer argumentar que o Grammy não é fraudado?”, disparou.

[anuncio]

Cantor quebra o silêncio e fala em “corrupção”

Em meio ao bafafá com essa “esnobada”, o próprio The Weeknd falou pela primeira vez na noite desta terça-feira (24). O cantor foi bem incisivo pelas redes sociais e sugeriu que os chefões da premiação foram “corruptos” e omissos sobre seus critérios. “O Grammy permanece corrupto. Vocês devem transparência a mim, aos meus fãs e à indústria”, escreveu ele. Olha só:

The Weeknd também falou dos rumores de que sua performance no Super Bowl 2021 e um suposto convite para cantar na grande noite do “Grammy” teriam lhe custado as indicações ao prêmio. “Planejando uma apresentação de forma colaborativa por semanas para não ser convidado? Na minha opinião, zero nomeações = você não foi convidado!”, pontuou.

[anuncio]

O manager de The Weeknd, Wassim Slaiby, conhecido como Sal, também compartilhou sua revolta pela web. “Os líderes corruptos precisam se afastar. Chega de se esconder atrás de suas mesas. Não vamos tolerar ou ficar quietos. A hora de mudar é agora. Precisamos de transparência!”, declarou ele pelo Instagram.

Depois de uma grande movimentação na internet, reclamações de celebridades e do próprio artista, o presidente da Academia de Gravação, Harvey Mason Jr., se manifestou sobre o assunto, em nota à revista Variety. Confira o comunicado e entenda o desdobramento, clicando aqui.

O post Grammy 2021: Drake sai em defesa de The Weeknd e critica premiação: “É a hora certa para começar algo novo”; confira! apareceu primeiro em Notícias.

You may have missed

Cresta Help Chat
Send via WhatsApp