Dezembro 1, 2020

Biden pede respeito aos votos e diz que não se declara vencedor

Biden fez pronunciamento no estado de Delaware

Biden fez pronunciamento no estado de Delaware

Kevin Lamarque / Reuters – 4.11.2020

O ex-vice-presidente dos EUA, Joe Biden, candidato do Partido Democrata na eleição presidencial do país, fez um pronunciamento em Wilmington, Delaware, onde fica seu comitê central de campanha, nesta quarta-feira (4) e pediu “respeito” às apurações e votos e disse que confia na vitória.

Acompanhe a apuração nos EUA no mapa interativo

Biden, no entanto, disse que o discurso que fazia não era para se declarar o vencedor no pleito contra o republicano Donald Trump. Ele afirmou que “as contagens indicam que estamos em boa posição em vários estados”.

“As margens em alguns desses estados já são maiores do que as que deram a vitória ao presidente Trump em 2016”, ressaltou ele. “Quero que todas as cédulas sejam contabilizadas e, se depois disso eu for o vencedor, vou me declarar vencedor. Todos os votos precisam ser contados”.

Votação recorde

Em seguida, o ex-vice-presidente comemorou a alta votação registrada em todo o país nessa eleição. “Devemos terminar com mais votos que qualquer outra chapa na história, mais de 70 milhões. Só três vezes na história uma chapa venceu um presidente no cargo, queremos ser a quarta”, disse Biden, que estava acompanhado pela senadora Kamala Harris, candidata à vice-presidência.

O democrata também falou, que se for eleito, não usará o cargo de maneira partidária. “Não pode haver partidarismo no governo, farei o melhor por todos”, prometeu ele. “Nós somos adversários nesta eleição, mas não somos inimigos”.

Cresta Help Chat
Send via WhatsApp
01511987618725